Garcia, García

Sobrenome ibérico, tido por muitos como um patronímico e por outros como toponímico. A forma antiga “Garcias” indicaria patronímico, do prenome basco Garcia (a mesma origem de Garcez). Outras formas arcaicas são Garsia, Garsea, Garcea e Garzea. Não há consenso. Afirmam uns que viria do termo basco para urso (harsea), enquanto outros acreditam que possa indicar um penhasco (gartzi-a). Alguns dão como origem o termo germânico para guerreiro ou o godo garxa ou garcha (principe de visão graciosa). Há ainda os que indicam origem francesa, de gars, menino ou rapazote.

Assim, existem muitas famílias sem ligação alguma entre elas. A referência mais antiga é a Íñigo Giménez García, rei de Sobrarbe e Navarra em 839. Quase na mesma época, Ramiro García foi governador da cidade de Leão (Espanha).

Em Portugal, uma das mais antigas é a dos Garcia de Chaves, cuja origem seria Luis de Mendanha, fidalgo asturiano durante o reinado de dom João II de Castela (1405-54).

Marcos Garcia Mascarenhas também viveu no século XV e outro nome contemporâneo conhecido é o de Gonçalo Garcia de Gondim, bisavô de Gaspar Rodrigues de Gondim, a quem dom João III (1502-57) concedeu brasão de armas em 26 de janeiro de 1543.

O sobrenome está ligado à história da América do Sul. Aleixo Garcia esteve na armada de João Dias Solis, que chegou ao Rio da Prata em 1516. O navio de Garcia naufragou junto à ilha de Santa Catarina, de onde ele partiu para as minas de prata de Potosí. Ele morreu ao retornar, em 1525.

No Brasil

No Brasil, nos dois primeiros séculos de povoamento, pelo menos vinte famílias viviam no Rio de Janeiro, entre elas a de Miguel Garcia e Maria da Cunha. Em São Vicente (São Paulo), durante os séculos XVI e XVII, viveu a família de Garcia Rodrigues e Izabel Velho, os “Garcia Velhos”. Há ainda referências a família Garcia na Bahia do século XVII e em Minas Gerais do século XVIII.

Entre algumas personalidades com este sobrenome destacamos os escritores Gabriel García Márquez (1927-2014) e Luiz Alfredo Garcia-Roza (1936-2020), e os atores Stênio Garcia, Bruno Garcia e Márcio Garcia.

Você conhece a origem de seu sobrenome? Já fez sua genealogia? E um teste de DNA indicando a sua ancestralidade?

Pode ter certeza, é uma viagem fantástica!

Quer saber mais sobre seu passado?

Você pode descobrir de onde vieram seus antepassados com o Teste de Ancestralidade da Genera! Clique no botão ao lado e veja o que você pode descobrir a partir do seu DNA.

Quer saber mais sobre seu passado?

Você pode descobrir de onde vieram seus antepassados com o Teste de Ancestralidade da Genera! Clique no botão e veja o que você pode descobrir a partir do seu DNA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima