Martinelli, Martini

Martinelli e Martini são sobrenomes italianos, patronímicos com origem no prenome Martino, que, por sua vez, deriva do nome latino Martinus, de martius ou martinici, homem belicoso ou guerreiro, referência à Marte, o deus da guerra dos romanos (em latim, Mars ou Martis). O nome se tornou muito popular na Idade Média devido ao culto a san Martino di Tours (São Martinho de Tours; 316-97).

Existem muitas variações e nenhuma ligação entre as famílias que adotaram diferentes formas, tais como De Martini, De Martino, Martinotti e Martinoni, entre muitas outras.

No Brasil

Entre as variações mais comuns, Martinelli e Martini passaram ao Brasil no final do século 19. No Espirito Santo, 71 imigrantes (entre eles, treze chefes de família) chegaram ao estado entre 1874-96. O primeiro a chegar foi o padre Domenico Martinelli, vindo de Trentino-Alto Ádige no navio La Sofia, que chegou a Vitória em 17 de fevereiro de 1874, dirigindo-se depois para a fazenda Santa Cruz, propriedade do italiano Pietro Tabacchi. Este estava no Brasil desde os anos 1850 e foi o responsável pela “Expedição Tabacchi”, que deu início a imigração italiana para o Espírito Santo. Logo após o padre, desembarcou em Vitória, em 30 de maio de 1875, a família de Giorgio Martinelli, cujo destino era Santa Leopoldina. Ainda no Espírito Santo, entre 1876-85, oito chefes de família com o sobrenome Martini chegaram ao porto de Vitória, sendo os primeiros Anselmo, Costantino e Pietro Martini, vindos no navio Werneck.

No Rio Grande do Sul chegaram, entre outras, a família Giuseppe Martinelli, chegada em 22 de maio de 1877, recebendo lote de terras na X Légua, colônia Caxias (hoje Flores da Cunha); e a de Girolamo Martini, chegada em Caxias a 14 de fevereiro de 1879.

Em São Paulo, o empresário Giuseppe Martinelli (1870-1946) chegou em 1893, construindo na década de 1920 o Edifício Martinelli, o primeiro arranha-céu paulista.

Entre algumas personalidades com estes sobrenomes destacamos o ator André Martinelli e o ator e diretor Eduardo Martini.

Você conhece a origem de seu sobrenome? Já fez sua genealogia? E um teste de DNA indicando a sua ancestralidade?

Pode ter certeza, é uma viagem fantástica!

Quer saber mais sobre seu passado?

Você pode descobrir de onde vieram seus antepassados com o Teste de Ancestralidade da Genera! Clique no botão ao lado e veja o que você pode descobrir a partir do seu DNA.

Quer saber mais sobre seu passado?

Você pode descobrir de onde vieram seus antepassados com o Teste de Ancestralidade da Genera! Clique no botão e veja o que você pode descobrir a partir do seu DNA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima